CENTRAL DE ATENDIMENTO
11. 3785-3553
11 2537-1314 - 11 2537-1316
 

CHAVEIROS POKEMON GO

O Sucesso dos Chaveiros Pokemon Go !

chaveiro-e-pin-pokemon-go-poke-bolas-pokeball-brinde-personalizado-sucesso

A Sucesso Brindes não podia ficar de fora, conheça abaixo os chaveiros Pokemon Go, os famosos chaveiros deste incrível game!

pokemon-go-pokemon-ball-chaveiro-personalizado-sucesso-brindesChaveiros Pokemon Go, pin Pokemon Go, esmaltado, pintado ou resinado, produto fabricado em metal no formato das bolas do Pokemon Go.

No final deste post, conheça a verdadeira história do Pokemon Go.

Veja o nome de algumas das Pokebolas do game.

Brindes Pokemon, Pokemon Go e Pokebolas

Pokebolas! – Chaveiros Pokemon Go

 

Abaixo, você pode conferir mais detalhes nas fotos ampliadas:

1717-chaveiro-em-metal-game-e-filme-pokemon-ball-pokemon-go-bolas

Chaveiro Pokemon, Chaveiro Pokemon Go, Chaveiro Pokebolas: Chaveiro Poke Ball – Chaveiro Poké-Bola

1718-chaveiro-em-metal-game-e-filme-pokemon-ball-pokemon-go-bolas

Chaveiro Pokemon, Chaveiro Pokemon Go, Chaveiro Pokebolas: Chaveiro Ultra Ball  - Chaveiro Ultra-Bola

1719-chaveiro-em-metal-game-e-filme-pokemon-ball-pokemon-go-bolas

Chaveiro Pokemon, Chaveiro Pokemon Go, Chaveiro Pokebolas: Chaveiro Fast Ball – Chaveiro Bola Veloz

1720-chaveiro-em-metal-game-e-filme-pokemon-ball-pokemon-go-bolas

Chaveiro Pokemon, Chaveiro Pokemon Go, Chaveiro Pokebolas: Chaveiro Master Ball – Chaveiro Bola Mestra

1721-chaveiro-em-metal-game-e-filme-pokemon-ball-pokemon-go-bolas

Chaveiro Pokemon, Chaveiro Pokemon Go, Chaveiro Pokebolas: Chaveiro Friend Ball – Chaveiro Pokebola Amiga

1722-chaveiro-em-metal-game-e-filme-pokemon-ball-pokemon-go-bolas

Chaveiro Pokemon, Chaveiro Pokemon Go, Chaveiro Pokebolas: Chaveiro Heavy Ball – Chaveiro Bola Pesada

1723-chaveiro-em-metal-game-e-filme-pokemon-ball-pokemon-go-bolas

Chaveiro Pokemon, Chaveiro Pokemon Go, Chaveiro Pokebolas: Chaveiro Love Ball – Chaveiro Bola Amor

1724-chaveiro-em-metal-game-e-filme-pokemon-ball-pokemon-go-bolas

Chaveiro Pokemon, Chaveiro Pokemon Go, Chaveiro Pokebolas: Chaveiro Level Ball – Chaveiro Pokebola Nível

1725-chaveiro-em-metal-game-e-filme-pokemon-ball-pokemon-go-bolas

Chaveiro Pokemon, Chaveiro Pokemon Go, Chaveiro Pokebolas: Chaveiro Safari Ball – Chaveiro Pokebola Safari

1726-chaveiro-em-metal-game-e-filme-pokemon-ball-pokemon-go-bolas

Chaveiro Pokemon, Chaveiro Pokemon Go, Chaveiro Pokebolas: Chaveiro GS Ball – Chaveiro Pokebola GS

1727-chaveiro-em-metal-game-e-filme-pokemon-ball-pokemon-go-bolas

Chaveiro Pokemon, Chaveiro Pokemon Go, Chaveiro Pokebolas: Chaveiro Park Ball – Chaveiro Pokebola Parque

1728-chaveiro-em-metal-game-e-filme-pokemon-ball-pokemon-go-bolas

Chaveiro Pokemon, Chaveiro Pokemon Go, Chaveiro Pokebolas: Chaveiro Lore Ball – Chaveiro Bola-Isca

Poké-Bolas Comuns:

Nome Brasileiro: Poké-Bola
Nome Inglês: Poké Ball
Preço: $200
Localização: Em quase todos os Poké Marts

Particularidade: Usada para capturar qualquer tipo de Pokémon, porém é aconselhável que o Pokémon esteja em um nível baixo.

.

.

Nome Brasileiro: Grande-Bola
Nome Inglês: Great Ball
Preço: $600.
Localização: Em quase todos os Poké Marts
Particularidade: Usada para capturar qualquer tipo de Pokémon, porém é aconselhável que o Pokémon esteja em um nível de baixo a médio.
Chance a mais de captura que a Pokébola: 1,5x

 .

.

Nome Brasileiro: Ultra-bola
Nome Inglês: Ultra Ball
Preço: $1200
Localização: Na maioria dos Poké Marts
Particularidade: Usada para capturar qualquer tipo de Pokémon, tem boas chances de captura mesmo que o Pokémon esteja em um nível alto.
Chance a mais de captura que a Pokébola: 2x

.

.

Nome Brasileiro: Bola Mestra
Nome Inglês: Master Ball
Preço: Não se pode comprá-la
Localização: A mais rara de todas as bolas, pode ser consaeguida através de doação dos professores, nas loterias (cinco dígitos), ganhar ao realizar 50 negociações (BW) ou dada por Colress (BW2)
Particularidade: A melhor Pokébola: tem simplesmente 100% de chance de captura de qualquer Pokémon, sem exceções.
Chance a mais de captura que a Poké-Bola: Suas chances de captura são de 255, ou seja, ela é infalível

Pokébolas do Kurt feitas de Apricorns:

Kurt é um dos poucos mestres-artesãos que se dedica a fazer Poké-Bolas com as Apricorns. Ele conta com auxílio somente de sua neta, Maisy, que colhe as frutas para ele. As Poké-Bolas por ele feitas levam cerca de um dia para ficarem prontas. Para Kurt fazer uma Poké-Bola para você basta ir a sua casa em Azalea com uma Apricorn que você colheu. Vejamos abaixo cada Poké-Bola feitas a partir de Apricorns e sua peculiaridade:

.

.

Nome Brasileiro: Bola-Isca
Nome Inglês: Lure Ball
Localização do fruto: Rota 37 – Blue Apricorn
Particularidade: Ela tem uma porcentagem de captura maior se usada em qualquer Pokémon pescado.
Chance a mais de captura que a Poké Ball: 3x

.

.

Nome Brasileiro: Bola-Veloz
Nome Inglês: Fast Ball
Localização do fruto: Azalea Town – White Apricorn
Particularidade: Esta Poké-Bola tem chances aumentadas quando usada em Pokémon que fogem das batalhas, ou aqueles que tem uma base de velocidade superior a 100.
Chance a mais de captura que a Poké Ball: 4x

.

.

Nome Brasileiro: Bola-Pesada
Nome Inglês: Heavy Ball
Localização do fruto: Rota 37 – Black Apricorn.
Particularidade: Quanto mais pesado for o Pokémon, maior a chance de captura, sendo que, se o Pokémon estiver abaixo de um certo peso as chances diminuem.
Chance a mais de captura que a Poké-Bola:

-20 se o Pokémon pesar até 204,8kg;
+20 se o Pokémon pesar de 204,8 até 307,2kg;
+30 se o Pokémon pesar de 307,2 até 409,6kg;
+40 se pesa mais de 409,6 kg

.

.

Nome Brasileiro: Bola-Amor
Nome Inglês: Love Ball
Localização do fruto: Rota 42 – Pink Apricorn.
Particularidade: Usada para capturar Pokémon de gênero oposto ao seu Pokémon.

Chance a mais de captura que a Poké Ball: 8x (Se o outro Pokémon for do sexo oposto, em Gold e Silver, devido a uma falha, as chances aumentam 8x quando o Pokémon é do mesmo gênero que o seu).

.

.

Nome Brasileiro: Pokébola Lua
Nome Inglês: Moon Ball
Localização do fruto: Rota 42 – Yellow Apricorn
Particularidade: Usada para capturar Pokémon que evoluam com a Pedra Lua, como Nidoran e Jigglypuff.
Chance a mais de captura que a Poké Ball: 4x para estes tipos de Pokémon.

.

.

Nome Brasileiro: Pokébola Nível
Nome Inglês: Level Ball
Localização do fruto: Rota 37 – Red Apricorn.
Particularidade: Quanto maior o nível do seu Pokémon em relação ao adversário, maior a chance de captura.
Chance a mais de captura que a Poké Ball:

2x se seu Pokémon tiver menos que o dobro do nível do adversário
4x se seu Pokémon tiver de 2 à 4 vezes o nível do adversário;
8x se seu Pokémon tiver mais que 4 vezes o nível do adversário.

.

.

Nome Brasileiro: Pokébola Amiga
Nome Inglês: Friend Ball
Localização do fruto: Rota 42 – Green Apricorn.
Particularidade: Tem a mesma chance de captura que uma Pokébola, mas a felicidade do Pokémon capturado por essa bola aumenta mais rápido que o normal. Aconselhável usá-la para Pokémons que evoluem por felicidade.
Chance a mais de captura que a Poké Ball: -

.

Pokébolas da Corporação Devon:

Estas Pokébolas foram introduzidas na 3ª Geração e são produzidas pela Corporação Devon. Algumas delas podem compradas nos Poké Marts.

.

Nome Brasileiro: Pokébola Rede
Nome Inglês: Net Ball
Preço: $1000
Localização: Em algumas Lojas

Particularidade: Esta Poké-Bola, como o próprio nome já diz, é usada para capturar Pokémon insetos (Rede de caçar borboletas) e para Pokémon aquáticos (rede de pesca), tendo 3x mais chances em ambos os casos.

.

.

Nome Brasileiro: Pokébola Temporal
Nome Inglês: Timer Ball
Preço: $1000

Localização: Em algumas lojas

Particularidade: Esta Poké-Bola tem suas chances aumentadas dependendo da quantidade de turnos da batalha, podendo se duplicar (10 à 20 turnos) triplicar (20 à 30 turnos) e a partir deste número suas chances são quadriplicadas.

.

.

Nome Brasileiro: Pokébola Luxúria
Nome Inglês: Luxury Ball
Preço: $1000

Localização: Em algumas lojas, também encontrada no navio abandonado
Particularidade: Esta Poké-Bola não tem nenhum efeito adicional, sendo dada pela vitória em concursos ou afins.

.

.

Nome Brasileiro: Pokébola Prêmio

Nome Inglês: Premier Ball

Localização: Você ganha esta Pokébola ao comprar 10 Pokébolas num Poké Mart.

Particularidade: Esta Poké-bola não passa de uma Poké-Bola normal só que as cores invertidas, não aumenta ou diminui nada.

.

.

Nome Brasileiro: Pokébola Submersa
Nome Inglês: Dive Ball
Preço: $1000

Localização: Em algumas lojas e no Navio Abandonado
Particularidade: Com esta Poké-Bola os Pokémon pegos surfando ou mergulhando terão uma percentagem de 3,5 vezes maior de chances de captura.

.

.

Nome Brasileiro: Pokébola Ninho

Nome Inglês: Nest Ball
Preço: $1000
Localização: Em algumas lojas

Particularidade: Usada para capturar Pokémon de leveis baixos.
Chance a mais de captura que a Poké Ball: Seu cáculo de chances é baseado na expressão: 40 – o level do Pokémon divididos por 10, sendo o valor máximo 2x e o mínimo 1.

.

.

Nome Brasileiro: Pokébola Repetição
Nome Inglês: Repeat Ball
Preço: $1000
Localização: Em algumas lojas
Particularidade: Usada para capturar Pokémons que você já tenha.
Chance a mais de captura que a Poké Ball: 3x.

.

.

Pokébolas de Sinnoh:

 

Nome Brasileiro: Pokébola Estimada

Nome Inglês: Cherish Ball

Particularidade: Somente obtida através de eventos, não se sabe se tem alguma diferença para a Poké-Bola normal, devido a seus meios de obtenção.

.

.

Dream Dusk Ball Sprite.png
Nome Brasileiro: Pokébola Anoitecer
Nome Inglês: Dusk Ball

Preço: $1000
Localização: Em algumas lojas

Particularidade: Usada para capturar Pokémon à noite ou em locais escuros, como nas cavernas.
Chance a mais de captura que a Poké-Bola: 4x.

.

.

Dream Heal Ball Sprite.png
Nome Brasileiro: Pokébola Cura
Nome Inglês: Heal Ball
Preço: $300

Localização: Em algumas Lojas

Particularidade: O único efeito especial é curar o Pokémon recém-capturado.
.
.
Dream Quick Ball Sprite.png
Nome Brasileiro: Pokébola Rápida

Nome Inglês: Quick Ball

Preço: $1000

Localização: Algumas Lojas

Particularidade: A cada 5 turnos, a chance de captura diminui.
Chance a mais de captura que a Poké Ball: De 1 a 5 turnos, 4x; de 6 a 10 turnos, 3x e assim sucessivamente.

.

.

Pokébolas de Unova:

 

Nome Brasileiro: Pokébola Sonho
Nome Inglês: Dream Ball
Preço: Não pode ser comprada
Localização: Entree Forest

Particularidade: A Pokébola Sonho aparece de repente em sua bolsa quando você está na Floresta Entree. Pode pegar qualquer Pokémon vindo do Dream World sem mesmo batalhar com ele.

Pokébolas Únicas:

São pokébolas diferentes das que vendem nos Pokemarts ou que conseguimos no jogo. Geralmente aparecem no Anime e Filmes.

.

.

Nome Brasileiro: Pokébola Clone
Nome Inglês: Clone Ball
Localização: Com Mewtwo

Onde apareceu: Em New Island, no Filme 1

Particularidade: Captura qualquer Pokémon, mesmo que este esteja dentro de outra pokébola. Esta Poké-Bola age de maneira autônoma, perseguindo os Pokémon até a captura, mais tarde, eles são clonados através de uma máquina especial.

.

.

Nome Brasileiro: Pokébola de Cristal
Nome Inglês: Crystal Ball
Localização: Com Molly
Onde apareceu: Em Greenfield, no Filme 3

Particularidade: Foi criada pelos Unowns para atender às exigências de Molly, para que qualquer Pokémon que ela desejar saia dessa pokébola.

.

.

Nome Brasileiro: Pokébola Escura.
Nome Inglês: Dark Ball
Localização: Com Máscara de Ferro
Onde apareceu: Em uma floresta de Johto, no Filme 4

Particularidade: Usada por Vicious, o Máscara de Ferro, um caçador de Pokémon a serviço da Equipe Rocket. Captura qualquer Pokémon com 100% de eficiência, ela eleva a riava do Pokémon e o torna mais agressivo e consequentemente mais forte, ela parece usar os princípios de um dos experimentos de Namba.

.

.

Nome Brasileiro: Pokébola GS
Nome Inglês: GS Ball
Preço: Não pode ser comprada
Localização: Cidade Azalea, com Kurt
Onde apareceu: Com a Profª Ivy, Profº Carvalho, Kurt e Ash.
Particularidade: Teve um pequeno destaque no anime, mas depois que foi entregue ao Kurt, nunca mais se falou nela. Os produtores disseram que tinham planos para que Celebi saísse dela, mas depois que o Pokémon apareceu no 4º filme, preferiram deixá-la no esquecimento.

.

.

Nome Brasileiro: Pokébola Parque
Nome Inglês: Park Ball
Localização: Parque Nacional de Johto
Onde aparece: Em Johto

Particularidade: Seu uso está restrito aos limites do Parque Nacional para captura de Pokémon Insetos. Parou de ser fabricado com o surgimento da Pokébola Esporte. Mesma eficiência que uma Grande-Bola.

.

.

Nome Brasileiro: Pokébola Parque
Nome Inglês: Park Ball
Preço: Não pode ser comprada
Localização: Pal Park.
Onde aparece: Em Kanto e Sinnoh

Particularidade: Seu uso está restrito aos limites do Pal Park. Tem 100% de eficiência como a Bola Mestra, pois ela é usada para que você pegue os Pokémon transferidos de outro jogo.
.
.

Nome Brasileiro: Pokébola Safári
Nome Inglês: Safari Ball
Preço: $500 (30 unidades)
Localização: Zona Safári de Kanto, Hoenn e Sinnoh
Particularidade: Seu uso está restrito aos limites da Zona Safari. Mesma eficiência que uma Grande-Bola. Recentemente, uma nova versão desta Poké-Bola foi desenvolvida, esta com uma camuflagem especial, seu uso se dá somente nas zonas do Safari de Hoenn e Sinnoh.

.

.

Nome Brasileiro: Pokébola Esporte
Nome Inglês: Sport Ball

Preço: $500 (30 unidades)

Localização: Parque Nacional de Johto
Particularidade: Substituta da Pokébola Parque de Johto. Seu uso está restrito aos limites do Parque Nacional para captura de Pokémon Inseto. Mesma eficiência que uma Grande-Bola.

.

.

Nome Brasileiro: Pokébola Antiga
Nome Inglês: Antique Ball
Localização: Com Samuel Carvalho
Onde Apareceu: No Filme 4, 40 anos atrás

Particularidade: Esta Poké-Bola utiliza de mecanismo primitivos, tendo de ser aberta através de válvulas, atualmente não é mais produzida, e seu uso era comum a 40 anos atrás.

.

.

Nome Brasileiro: Pokébola Chansey

Localização: Com Enfermeiras Joy
Onde Apareceu: Com a Enfermeira Joy da Inspeção de Ginásio Pokémon
Particularidade: Provavelmente esta Pokébola é usada pelas Enfermeiras Joy para guardar seus Pokémon Chansey.

.

.

Nome Brasileiro: Pokébola Pedra

Nome Ingês: Rock Ball
Onde Apareceu: Na Floresta onde existia um Claydol Giante, em Hoenn
Particularidade: Esta Pokébola serve para guardar o Pokémon Gigante Claydol.

.

.

Nome Brasileiro: Pokébola Lago

Nome Ingês: Lake Ball
Onde Apareceu: No Concurso de Captura de Seaking
Particularidade: Esta Pokébola é usada somente no Concurso de Captura de Seaking, mas não pode ficar com o treinador.

.

.

Nome Brasileiro: Pokébola do Pikachu

Nome Ingês: Pikachu Ball
Onde Apareceu: Apenas no 1º Episódio
Particularidade: Esta Pokébola pertence ao Pikachu de Ash. Como ele nunca entrou na Pokébola depois de ter saído no Laboratório do Pofº Carvalho, esta Pokébola só apareceu uma vez.

.

.

Nome Brasileiro: Pokébola Rocket

Nome Ingês: Rocket Ball
Onde Apareceu: Com os Membros da Equipe Rocket, no especial O Retorno de Mewtwo
Particularidade: Esta Pokébola pertence apenas a Equipe Rocket.

.

.

Nome Brasileiro: Pokébola Verde

Nome Ingês: Green Ball
Onde Apareceu: Com Bruno da Elite 4
Particularidade: Esta Pokébola apareceu também apenas no 1º episódio. Apareceu na exibição da Luta de Bruno contra outro treinador na TV.

.

.

 

Nome: -

Onde Apareceu: Com o Profº Carvalho

Particularidade: Este tipo de Pokébola contém os Pokémon Inicial de Kanto – Charmander, Squirtle e Bulbasaur e apresenta seu nome inscrito nela. Apareceu apenas no 1º episódio. A Poké-Bola da foto contém Bulbasaur.

.

.

Nome: -

Onde Apareceu: Com o Profº Carvalho

Particularidade: Este tipo de Pokébola contém os Pokémon Inicial de Kanto – Charmander, Squirtle e Bulbasaur e apresenta seu nome inscrito nela. Apareceu apenas no 1º episódio. A Poké-Bola da foto contém Charmander.

.

.

Nome: -
Onde Apareceu: Com o Profº Carvalho
Particularidade: Este tipo de Pokébola contém os Pokémon Inicial de Kanto – Charmander, Squirtle e Bulbasaur e apresenta seu nome inscrito nela. Apareceu apenas no 1º episódio. A Poké-Bola da foto contém Squirtle.
.
.

Nome: -

Onde Apareceu: Concurso de Pesca em Unova
Particularidade: Este Pokébola foi usada no Torneio de Pesca em Unova. Ela apenas tem um selo especial que foi colocada pela Equipe
Rocket e dada aos participantes.

.

.

Nome: -

Onde Apareceu: Em Johto

Particularidade: Esta Pokébola é de mais de 200 anos e pertence a um Ninetales, Lokoko, que tem a capacidade especial de criar ilusões.

.

.

Nome: -

Onde Apareceu: Na Pirâmide de Batalhas

Particularidade: Este Pokébola está na Pirâmide de Batalhas de Brandon em Kanto. Antigamente ela estava no túmulo no rei Pokélantis, e após recitar o feitiço ”Luz saia da escuridão” seu espírito era liberto da Poké-bola e tomava posse da pessoa mais próxima.

.

.

Nome: -

Onde Apareceu: Parque de Batalha, Johto
Particularidade: Essa Pokébola é usada para armazenar os Pokémon do Parque de Batalha, tal qual Charizard, Venusaur e Blastoise que apareceram no Episódio.

.

.

Nome: Meowzie PokéBall

Onde Apareceu: No episódio Vá para Hollywood, Meowth!
Particularidade: Esta pokébola pertence à Meowzie, a Pokémon por qual o Meowth da Equipe Rocket era apaixonado. A pokébola é incrustada de diamantes.

.

.

Nome: Annie e Oakley Pokéball

Onde Apareceu: Com Annie e Oakley no filme Pokémon Heróis

Particularidade: Estas pokébolas pertencem à Annie e Oakley, membros da Equipe Rocket. Apenas tem um design diferenciado.

fonte: http://www.poke-blast-news.net/

 

Veja outros chaveiros interessantes do Game Pokemon Go.

1779-chaveiro-pokemon-go-personalizado-sucesso-brindes

Chaveiros Pokemon Go em formato de tag.

1780-chaveiro-pokemon-go-personalizado-sucesso-brindes

Chaveiros Pokemon Go em formato de Pikachu.

1774-chaveiro-pokemon-go-personalizado-sucesso-brindes

Chaveiros Pokemon Go em formato do logo.

1775-chaveiro-pokemon-go-personalizado-sucesso-brindes

Chaveiros Pokemon Go em formato de Tag colorido.

1776-chaveiro-pokemon-go-personalizado-sucesso-brindes

Chaveiros Pokemon Go em formato dos ícones do jogo ou game.

1777-chaveiro-pokemon-go-personalizado-sucesso-brindes

Chaveiros Pokemon Go em formato do Pikachu.

1778-chaveiro-pokemon-go-personalizado-sucesso-brindes

Chaveiros Pokemon Go em formato do Pikachu.

Quais as diferenças entre os times e qual escolher em Pokémon GO?

 

4ca2bc3d-3ccb-4787-85b6-98c704689efc

Por Durval Ramos 

Não se trata de um game para você jogar sozinho, mas de interagir com outros treinadores, seja quando encontrá-los em uma praça ou for disputar a liderança de um ginásio. Porém, para que tudo isso aconteça, você precisa entrar em uma equipe. Calma, não estamos tentando aliciar ninguém para entrar na Equipe Rocket e nem nos demais grupos de vilões apresentados em cada game da série.

Pokémon GO possui um sistema de times com o qual você é obrigado a se aliar em determinado momento. Ao chegar ao nível 5, o Professor Willow vai lhe apresentar seus assistentes e pedir para que você acompanhe algum deles.

Representados pelos lendários Articuno, Zapdos e Moltres, as equipes Mystic, Valor e Instinct vão nortear sua jornada Pokémon. Em termos de mecânicas, essa decisão pouco vai interferir o modo com que você joga, mas vão pesar bastante nos desafios que você vai encontrar. E, o mais importante: uma vez escolhido, você não pode voltar atrás e mudar de ideia. Então, o que muda entre uma equipe e outra?

Juntando aliados O sistema de times funciona basicamente como base das mecânicas de ginásio. Ao chegar a um desses pontos, você vai lutar para conquistar aquele local para o seu time. Isso significa que você nunca luta sozinho, mas em nome do grupo que você representa.

1776-chaveiro-pokemon-go-personalizado-sucesso-brindes

Chaveiros Pokemon Go.

Desse modo, escolher uma equipe mais popular na sua região significa que você terá mais ginásios sob seu domínio para aproveitar, ganhando mais pontos de experiência e coisas do tipo. Por outro lado, isso significa que há menos chances de você disputar por território, já que todos estarão já sob o estandarte do seu Pokémon lendário. No fim das contas, isso pouco interfere o quanto você vai aproveitar de Pokémon GO.

A diversão está em provocar seus amigos que estejam em outro time e abraçar aquela cor, o Pokémon que mais lhe agrada ou mesmo a ideologia ligada a cada um.  O Mystic, por exemplo, acredita no intelecto de seus treinadores, na ciência e no poder das evoluções de seus monstrinhos. Já o Instinct traz a máxima do coração e da força de vontade, quase como se cada Pokémon tivesse seu próprio talento e força para se tornar uma lenda.

É basicamente o que o Ash faz no desenho. Já o time Valor segue a ideologia da maromba: quanto mais você treinar, mais perto estará de ser um mestre. Porém, no fim das contas, tudo depende de você e das suas preferências. É possível ainda olhar os ginásios na sua região e ver qual a equipe predominante para se aliar a ela. Pode ser preguiçosa, mas não deixa de ser uma estratégia.

fonte:   http://canaltech.com.br/tutorial/games/quais-as-diferencas-entre-os-times-e-qual-escolher-em-pokemon-go/

 

 

 

a história do pokemon-go

Como diria Vinícius de Moraes, aconteceu “de repente, não mais do que de repente”. Da noite para o dia, as grandes cidades globais foram, uma a uma, tomadas de assalto por batalhões e batalhões de Zubats, Pidgeys e Bulbasaurs. Às centenas de milhares, os Pokémons, famosos monstrenguinhos japoneses criados nos anos 90 por Satoshi Tajiri, voltaram. E com tudo.

jogo para smartphones Pokémon Go espalhou as criaturas, primeiro, por cidades da Austrália, Nova Zelândia e Estados Unidos. Causaram um verdadeiro frenesi nas populações locais, que, de celulares em punho, imediatamente se puseram a caçá-los por todos os lados. Aos poucos, a investida foi se estendendo a outros países. Até que, no começo de agosto, as criaturinhas aportaram no Brasil, para delírio de muita gente por aqui também.

O sucesso foi instantâneo. Mas o trabalho, não

E bota gente nisso. De acordo com a consultoria Axiom Capital Management, via Bloomberg, o jogo teria alcançado, entre 15 e 17 de julho de 2016, um pico de 45 milhões de usuários em todo o mundo. Por mais que esse número já tenha diminuído, ele continua bastante eloquente ao revelar o tremendo sucesso que o jogo de realidade aumentada, desenvolvido em parceria pela Niantic, Inc, a Nintendo e a The Pokémon Company, vem fazendo.

É natural você presumir que todo esse impacto tenha sido mero acaso, afinal, tudo aconteceu muito rapidamente. Agora, é melhor que você não comunique essa impressão ao norte-americano John Hanke, o criador do jogo. Ele dedicou “só” 20 anos ao projeto. Seria o caso de soltar aquele famoso ditado: “você só vê as champagnes que bebo, e não os tombos que levo”.

Perseverança é a palavra-chave

A jornada de Hanke e sua equipe traz muitos aprendizados para você,empreendedor. O principal deles é, sem dúvida, a perseverança. De 1996, quando o empreendedor ajudou a criar o primeiro jogo multiplayer massivo chamado ‘Meridian 59′, a julho de 2016, quando lançou o Pokémon Go, foram muitos os passos.

Em meados dos anos 90, o então estudante John Hanke desenvolveu um sistema para ligar mapas em todo o mundo por meio de fotos aéreas, programa que o Google adquiriu para criar o futuro Google Earth. E ele não parou por aí. Ele criou também, em parceria com o Google, a startup Niantics Labs, para desenvolver jogos baseados em geo-localização. O primeiro título foi o ingress. John concebeu, em 2014, uma pegadinha de 1o de abril que espalhou pokémons pelo GoogleMaps, e que foi um tremendo sucesso.

Só depois de tudo isso foi que Hanke conseguiu levantar, no final de 2015, 25 milhões de dólares (com o Google, a Nintendo e a Pokémon Company). Ele reuniu uma equipe de mais de quarenta profissionais para desenvolver o fenômeno que inspirou esse artigo. Como você pode ver, não tem nada de casualidade aí. Mas, apesar do longo tempo, o próprio Hanke jamais duvidou do projeto:

“Eu sempre pensei que fosse possível fazer um jogo sensacional usando todos os dados de geolocalização que temos. Eu acompanhava os smartphones se tornando mais e mais poderosos e pensei que chegaria o tempo em que poderíamos criar um jogo realmente extraordinário de realidade aumentada”.

Uma aula de experiência do usuário

Pokémon Go também é um ótimo exemplo de UX Design, o tão desejado User Experience Design, que nada mais é do que a busca pela satisfação do usuário por meio de três áreas essenciais: usabilidade, acessibilidade e interatividade. É o desenho, a projeção de tudo o que vai compor a experiência de um usuário com um produto. O jogo de Hanke fez bonito aqui também, pois usa features já existentes de aparelhos e aplicativos bem difundidos. Ou seja, foi desenvolvido para uma interface com a qual os usuários já têm muita familiaridade.

Além disso, a imersão, fator fundamental de qualquer jogo bem-sucedido, foi muito elogiada por especialistas em UX Design. Sem falar na facilidade com que as pessoas aprenderam a jogar. Em suma, tudo foi pensado para que os usuários, ao caçarem seus Pokémons, fruíssem da melhor experiência possível.

Outro acerto: inovação em mobile

Pokémon Go também dá um show no aproveitamento da plataforma para a qual foi desenvolvido. O sábio uso de recursos de locação, câmera e gráficos de alta resolução deu o que falar. Ainda que o jogo apresente algumas falhas, é sólido o bastante para ter atraído milhões e milhões de usuários.

Mas há um ponto em que Pokémon Go se destaca de todos os jogos mobile criados até aqui: o da realidade aumentada.

Pokémon Go é muito bem-sucedido nesse aspecto, principalmente graças à sociabilização que proporciona. Ao possibilitar verdadeiras ações e interações no mundo real, o jogo vem explorando possibilidades animadoras. Desconhecidos estão saindo dos sofás para conversar, congregar e elaborar estratégias de caça. É um exemplo significativo de como um jogo bem pensado pode induzir a comportamentos bastante específicos.

Publicidade misturada à experiência

Para terminar, uma última lição desse fenômeno chamado Pokémon Go: a criação de um novo fluxo de publicidade online. Enquanto o percurso tradicional é: anúncio – clique do usuário – aquisição online do produto, o jogo propõe outro trajeto. Os consumidores estão literalmente entrando nas lojas para capturar os monstrinhos. Por isso, os criadores do jogo têm uma infinidade de novas possibilidades a serem exploradas, tanto do ponto de vista da pura experiência do usuário, quanto do ponto de vista da monetização.

Já para aos anunciantes, a notícia é ainda melhor: a publicidade se encaixa perfeitamente nas vidas dos consumidores, em vez de interferir nelas. É marketing de experiência em sua melhor versão, pelo menos até aqui. Então, agora, você já sabe: entre caçar um Pokémon e outro, vale inspirar sua gestão com esses ensinamentos.
Este artigo é uma parceria de produção entre Endeavor e Sebrae e foi publicado originalmente no site da Endeavor.

fonte: http://exame.abril.com.br/

 

 

Estamos iniciando hoje uma série de artigos voltados para o fenômeno do Pokemon Go. Publicaremos artigos técnicos relacionados ao desenvolvimento do game, às tecnologias utilizadas, à realidade aumentada, à mecânica do game etc. Este aborda uma visão da mecânica do jogo e ao mesmo tempo uma visão implícita de negócios.

pokemon-1

Se você viu dezenas de pessoas se reunindo silenciosamente em parques e estações de trem no final recentemente em várias partes do mundo, elas provavelmente estavam apenas ocupadas tentando pegar um Pidgeotto.

Pokémon Go da Niantic, jogo mobile de realidade aumentada, tornou-se um fenômeno global desde que foi lançado no início de julho na Austrália, antes de ser lançado nos EUA. O jogo exige que os jogadores explorem o mundo real para encontrar Pokémon, coletar itens em Pokéstops e conquistar ginásios, e muito trabalho foi feito com relação ao mapeamento do jogo.

John Hanke, CEO e fundador da Niantic, é um veterano do Google. Ele foi um dos fundadores da Keyhole, a empresa que o Google comprou para iniciar o Google Earth, e tinha uma mão no Google Maps antes de formar a Niantic. A empresa foi desmembrada da empresa-mãe Alphabet do Google em 2015.

Para Hanke, um mapeamento preciso foi parte integrante do Pokémon Go. “Muitos de nós trabalhamos no Google Maps e no Google Earth por muitos e muitos anos, por isso queremos que o mapeamento seja bom”, disse ao Mashable.

Como os locais e os ginásios foram escolhidos para os Pokéstop

Todos aqueles obcecados pelo Pokémon Go devem um grande agradecimento para outro conjunto de jogadores.

Ingress, jogo multiplayer de realidade aumentada, foi lançado em beta pela Niantic em 2011. Seus usuários são responsáveis por ajudar a criar o conjunto de dados que determina onde Pokéstops e ginásios aparecem no Pokémon Go.

Nos primeiros dias do Ingress, a Niantic formou um conjunto inicial de locais de portais para o jogo com base em locais históricos, bem como um conjunto de dados de obras de arte públicas, extraído a partir de imagens geo-tag do Google. “Nós basicamente definimos os tipos de lugares que queríamos que fizessem parte do jogo”, disse Hanke. “Coisas que eram obras de arte públicas, que eram locais históricos, que eram edifícios com um pouco de história única de arquitetura ou característica, ou empresas locais únicas”.

pokemon-2

pokemon-3

A equipe, então, pediu aos jogadores do Ingress para enviar lugares que eles achavam que eram dignos de serem portais. “Houve cerca de 15 milhões de envios, e nós temos aprovado na ordem de 5 milhões desses locais no mundo inteiro”, disse Hanke.

O conjunto de dados do portal do Ingress se tornou tão forte, que ele foi escolhido como o ponto de partida para o Pokémon Go. Alguns dos portais mais populares do Ingress dentro de uma determinada localização geográfica são ginásios no novo jogo, enquanto os mais próximos e populares se tornaram Pokéstops.

Graças aos esforços dos usuários do Ingress, você deve ser capaz de encontrar Pokéstops em quase qualquer lugar, embora você possa ter problemas em alguns dos cantos mais remotos da Austrália.

“Os Pokéstops são submetidos pelos usuários, então obviamente eles estão baseados em lugares aos quais as pessoas vão”, disse Hanke. “Tivemos, essencialmente, dois anos e meio de pessoas que vão a todos os lugares onde eles achavam que deveriam ser capazes de jogar o Ingress, por isso é que temos alguns lugares bastante remotos. Há portais na Antártica e no Polo Norte, e em muitos pontos entre eles”.

Qual Pokémon aparece onde

Decidir qual Pokémon iria aparecer em um determinado lugar necessitou de todo um conjunto extra de dados de mapeamento.

Marcadores geográficos do mapa criado para o Pokémon Go ajudam a determinar o habitat do Pokémon. “Nós atribuímos valores com base na existência de um local com água em uma área – como um córrego, um rio, um lago – se as áreas são designadas como jardins zoológicos ou parques, ou outros tipos de designações de mapeamento”, disse Hanke.

Isso significa que, em sua maior parte, um Pokémon do tipo água, como Magikarp e Squirtles, deve aparecer perto da água.

Embora ele não possa revelar suas origens, outro conjunto de dados usado no jogo é desenhado a partir da classificação geográfica de uma área com base no clima, vegetação e solo ou tipo de rocha. “Isso começa a ter mais [sistema de informação geográfica] tipos de dados… e nós os utilizamos para mapear as espécies de Pokémon nos habitats apropriados”, explicou.

pokemon-4

pokemon-5

Mantendo os jogadores seguros

Desde o lançamento do Pokémon Go, houve um hype na mídia social sobre os jogadores que vão a extremos para capturar as criaturas.

De acordo com Hanke, no entanto, a segurança sempre foi uma prioridade. Um dos critérios para os portais do Ingress, que são agora Pokéstops e ginásios, é que eles sejam seguros e acessíveis ao público. “O objetivo é que eles sejam lugares seguros para pedestres”, explicou. No entanto, há relatos de jogadores do Ingress tendo problemas com as autoridades por estarem à espreita em locais estranhos.

Quanto ao Pokémon, os jogadores não devem ter que sair de seu caminho para capturá-los. “Nós também tentamos limitar a desova do Pokémon – não em rodovias, ou na proximidade do usuário para que eles não tenham que fazer nada fora do comum”, disse Hanke.

“Uma vez que o Pokémon é desovado, você pode tocar nele e começar a interagir com ele. Você não tem que ir mais longe do que onde você já está – partindo do princípio de que você está seguro”.

É claro que ter a cabeça permanentemente curvada sobre o seu smartphone não é a maneira mais segura de andar pelas ruas.

“Encorajamos as pessoas a manter suas cabeças erguidas e estarem cientes do que está acontecendo ao seu redor”, enfatizou Hanke. Quando o aplicativo é aberto, ele exibe um aviso para os usuários se manterem atentos. “É algo que você teria com aplicativos de exercício, ou aplicações geo-caching, ou aplicativos de mapeamento, nos quais as pessoas estão se movendo”, acrescentou.

Hanke disse que a Niantic espera encorajar as pessoas a ficar em segurança, ao mesmo tempo em que constroi um jogo que leva as pessoas para fora do sofá. “Estamos tentando encontrar um bom equilíbrio”, acrescentou.

O futuro do Pokémon Go e da realidade aumentada

Hanke tem planos de adicionar novos recursos imersivos ao Pokémon Go.

Em particular, existem planos para desenvolver Pokéstops e ginásios para adicionar profundidade ao jogo. Atualmente, é possível adicionar um módulo de isca em um Pokéstop para atrair Pokémon, mas recursos extras estão na fila.

“Nós imaginamos as equipes construindo seus ginásios e Pokéstops de determinadas maneiras e adaptando-os aos seus gostos”, disse ele.

pokemon-6

pokemon-7

A troca também faz parte dos planos. “Nós achamos que isso, em particular, vai trazer um monte de cooperação, competição e interações sociais entre as pessoas”, disse Hanke. “Algumas das características de design de jogos que temos em mente para os Pokéstops e ginásios são projetados com a ideia de encorajar a cooperação e a jogabilidade entre os jogadores da mesma equipe”.

Embora a tecnologia ainda não esteja madura, Hanke também vê o jogo potencialmente trabalhando com óculos de realidade aumentada.

“Muitos desses sistemas provavelmente só irão funcionar bem em ambientes fechados no começo”, disse ele. “Mas acho que, certamente, dentro de uma década, vamos ver que esse tipo de imersividade visual você poderá usar em ambientes abertos e jogar games como Pokémon Go, e ver o Pokémon aparecer em um contexto tridimensional”.

***

Ariel Bogle é a autora do artigo. A tradução do artigo foi feita pela redação iMasters, e você pode acompanhar o artigo em inglês no link: http://mashable.com/2016/07/10/john-hanke-pokemon-go/#YD681H9gtmqZ

fonte: http://imasters.com.br/

Voltar as Notícias

 

Somos uma Fabrica especializada em Brindes Promocionais

A Sucesso Brindes é fabricante de brindes promocionais e personalizados, trabalhamos com produtos exclusivos para seu projeto.



Sucesso Brindes apoia Anjos de luz amormitex
amormitex
© 2018 SUCESSO BRINDES
Rua Inácio Manuel Alvares, 421
CEP 05372-110 - São Paulo - Brasil
(11) 3785-3553

Redes Sociais